4 de jun de 2016

0

Visitando o parque Snowland, em Gramado - RS.


Conhecer o Parque Snowland - o primeiro parque de neve indoor das américas -  em Gramado - era um dos passeios mais esperados pelo nosso grupo, que incluíam cinco crianças que nunca viram neve de verdade. 

Compramos nossos ingressos pela internet, em um site de compras coletivas,  para facilitar nossa chegada e poder aproveitarmos o parque o máximo de tempo possível.

Para chegarmos até o parque, fizemos várias pesquisas, e em todas elas o custo de deslocamento era caríssimo. Mas eis que um taxista de Canela nos ensinou a chegar de ônibus, o que nos garantiu uma enorme economia. Fizemos até um post sobre isso. Se quiser saber como chegar de ônibus ao Snowland, acesse aqui.

Pegamos o ônibus das 7:30 e às 8:30 estávamos na porta do parque, que já tinha um filinha.

Dica: chegue bem cedo, para poder aproveitar o parque um pouco vazio. Na alta temporada, quando nós fomos, lá pela 11 da manhã o parque já estava lotado, e você vai ter dificuldade para participar de qualquer atividade. Aliás, se puder, vá na baixa temporada, bem mais vazio.

Um dos motivos de nós não termos curtido tanto assim o parque, foi o fato dele estar simplesmente lotado, não dava nem para andar direito. Outras blogueiras que foram na baixa temporada tiveram uma experiência totalmente diferente, aproveitando bem mais a estrutura do lugar. #ficaadica  


Com o ingresso do Parque, você tem direito:

  • Acesso à Montanha de Neve, com direito a roupa completa de neve: calça, jaqueta, capacete, 1 par de botas e 1 par de luvas - que não serve para nada, pois não é impermeável -  leve a sua, que deve ser impermeável;
  • Patinação no gelo;
  • Simulador de Esqui 7D;
  • Bumper Car;
  • Tubbing;
  • Assistir a apresentação do espetáculo “Flokus: Em busca da Neve";
  • Caverna do Yeti;
  • Hot Café;
  • Castelo de Neve - Snowplay;
  • Vilarejo Alpino;
  • Oficina do Tio Urso.

Quando abre as portas do parque, e você acha que finalmente vai direto para os brinquedos, eis uma fila bem grandinha onde você entrega seu voucher, confere documentos e coloca um pulseirinha, que vai te dar acesso a todos os brinquedos,  e com ela você também poderá comprar outras atividades. Mais um vez, vá na baixa temporada!

Na saída, você entrega sua pulseira e paga o que tiver feito de atividades extras, chamadas Atrações Premium (ice games, aula de esqui e snowboard, locação de equipamentos para esqui e snowboard, cenário fotográfico, Motoneve). Como já falei, todas as outras atividades estão inclusas no seu ingresso.

O parque é dividido em duas partes, o Vilarejo Alpino, com temperatura entre15ºC e 22ºC, com dois andares - No primeiro andar, um complexo de lojas, patinação no gelo e um simulador 7D (muito sem graça).

                                             Vilarejo Alpino e a pista de patinação no gelo.


No segundo andar, o Snow Kids possui uma área para as crianças brincarem, alguns jogos eletrônicos e um cinema 7D,  daqueles que tem em casa de festas infantis. Tirando o Simulador 7D, não há nada nessa área que você não encontre em um Shopping Center.

No segundo andar do Vilarejo Alpino está também a área de alimentação. A praça tem alguns quiosques, algumas lanchonetes e um restaurante, que nas fotos, parece lindo, com mesa posta, forrado com pele, um luxo só! Tirando esse restaurante, que não me apresentaram, parece uma grande praça de alimentação de shopping, lotada de gente, tudo com filas enormes, com comida cara e ruim, como em qualquer parque.




A parte mais interessante do parque é a Montanha de Neve. Para entrar nessa área você deve colocar a roupa que eles disponibilizam, e que já está inclusa no valor do seu ingresso. Você também deve deve locar um armário para colocar seus pertences e poder acessar a Montanha de Neve.

Mesmo sendo a roupa bem quentinha, vá de calça e um casaquinho leve por baixo. A temperatura, na Montanha de Neve, varia de -3ºC a -5ºC. Ou seja: um frio do cão! Pra carioca, nessa temperatura a vida já se extinguiu!


Na Montanha de neve, como eu já falei, é um frio de matar, tem várias atividades que você até vai ter vontade de fazer, mas as filas e o frio não vão deixar.  

Chegamos e fomos direto para o Bumber car, um brinquedo muito esquisito, que você não vai conseguir sentar direito. A fila imensa já entregava: metade dos carros estavam ruins, a outra metade funciona mal. Pula esse.


Depois, fomos no Tubing, que eu esperava ser a grande sensação. Só que não foi. Primeiro, você tem que subir a montanha com a sua boia na mão. No Le canton, hotel aqui no Rio, que tem um bela pista de esqui, tem uma esteira que te leva até lá em cima. Segundo que a pista do Le Canton é bem mais alta, a do Snowland, bem mais light, não tem tanta emoção.      



Ao lado do Tubing, espaço para fazer snowboard e esqui.


As crianças, antes de começarem a reclamar do frio, se divertiram muito: no Tubing e no Snowplay (castelo com mini tubing).  Depois de algum tempo dentro da Montanha de neve, o que você vai querer mesmo, além de sair, é  tomar um chocolate quente no Hot Café. Você vai pagar um pequena fortuna por ele, mas seu corpo vai agradecer por algo quentinho.  



Depois de virar picolé, fomos levar as crianças para fazer patinação no gelo. É nesse momento que você descobre que os esportes no gelo, na neve, são para quem nasceu lá, não para nós. Se você não tiver equilíbrio, tenha pelo menos um traseiro bem resistente para as caídas, que serão muitas. 

Em seguida, comemos alguma coisa e fomos para o melhor do dia - conhecer a Vinícola Ravanello, que fica exatamente em frente ao parque. Basta atravessar a rua e andar uns 100 metros. Você chega em outro mundo! 



Não tô de implicância não, mas a minha experiência não foi boa mesmo. Se eu recomendo o parque? Claro que sim! O parque não sobreviveria com comentários tão negativos, caso todos tivessem a mesma experiência que a minha. Com certeza, há dias em que dá para aproveitar mais as atividades, sem ter que brincar de empurra empurra nas filas...  

Pra você não desanimar, aqui vão alguns posts de amigas blogueiras que tiveram ótimas experiências no Snowland:


Endereço: RS, 235 - 9009 - Bairro Carazal - Gramado - RS.
Tel da central de informações: (54) 3295-6000 - das 8 às 18 horas.
Email: comercial@snowland.com.br
Horário de funcionamento: de segunda a sexta das 10 às 17 horas, e sábados, domingos e feriados das 9 às 18 horas.
Lembre-se: levar um documento com foto. O parque só aceita pagamento em débito e dinheiro.
*O parque conta com estacionamento, pago a parte.

*Para comprar seus ingressos, clique aqui.

Patricia Tayão.
Fotos: Patricia Tayão.



Nenhum comentário:

Postar um comentário